22 de julho de 2017

Concurso cultural vai escolher logo do enredo da Portela

Nenhum comentário :
Torcedores e admiradores da escola poderão inscrever trabalhos até 27 de julho. Voto popular será contabilizado pela diretoria na eleição 

Foto: Cláudia Manhães / Divulgação 

A diretoria da Portela iniciou, nesta quinta-feira (20), um concurso cultural para escolher o logo do enredo "De Repente de Lá Pra Cá e Dirrepente de Cá Pra Lá...", que a carnavalesca Rosa Magalhães desenvolverá no Carnaval 2018. Para participar, basta se inscrever através do e-mail marketing@gresportela.com.br, colocando no assunto 'Concurso cultural logo Portela 2018'. Ao ter confirmada sua inscrição, o candidato, que precisa ser cidadão brasileiro, ter idade mínima de 18 anos e não integrar a comissão organizadora do concurso, receberá o termo de aceitação. Serão aceitas propostas enviadas para o mesmo endereço eletrônico até o meio-dia do dia 27 de julho. Os interessados também deverão ler atentamente o regulamento antes de enviar suas ideias.
 
"Pensamos neste concurso como uma forma de ter o portelense apaixonado participando ainda mais da construção do Carnaval 2018. Levamos a ideia para a Rosa (Magalhães) aprovar e ela gostou. Então convidamos a todos a participar. Queremos um logo bastante criativo e que transmita com clareza a mensagem do nosso enredo. Já estou ansioso para ver os trabalhos concorrentes", explica o presidente Luis Carlos Magalhães.
 
A comissão organizadora da Portela fará a seleção dos logos finalistas. Em seguida, as três melhores propostas serão selecionadas para a votação final, que ocorrerá no dia 28 de julho, quando os trabalhos vão ser avaliados pela comissão organizadora, composta pela comissão de Carnaval e assessoria de marketing da Portela, e também através de voto popular, na página oficial da agremiação no Facebook. A proposta ganhadora será a que obtiver mais votos na etapa final, que se dará pela preferência de três partes: comissão organizadora; designer convidado; e voto popular. O logo vencedor será escolhido dentre os três finalistas. Vale ressaltar que todos os participantes terão, ainda, que assinar um termo de cessão de direitos de uso.

Integrante do grupo que vai escolher o logo campeão, a carnavalesca Rosa Magalhães destaca como item fundamental para uma boa avaliação a criatividade. "Qualquer portelense e não portelense pode participar. O importante é que seja um logo bem bonito e criativo", avisa a artista.
 
O ganhador será contemplado com um par de fantasias da Portela para o próximo desfile, um título de sócio-torcedor Águia no Coração (Plano Majestade do Samba) válido por um ano, um chapéu da Portela personalizado com o seu nome, uma camisa do enredo 2018 autografada por Monarco e Rosa Magalhães, além de um exemplar do livro "Caminhos cruzados: a vitoriosa saga dos judeus do Recife no século XVII: da expulsão da Espanha à fundação de Nova York”, de Paulo Carneiro, autografado pelo autor.

 
Para Vinícius Ximenes, assessor de marketing da escola, a iniciativa, além de dar mais espaço para o portelense, vai revelar novos talentos. "O concurso visa estabelecer um grande vínculo entre a Portela e seus torcedores, permitindo que eles tenham consigo o sentimento de pertencimento ao processo criativo de desenvolvimento do Carnaval da escola através de uma ação de cunho artístico. Acreditamos também o concurso será uma ótima oportunidade de engajamento entre nossa comunidade que se faz cada vez mais presente no ambiente digital, estabelecendo assim uma relação ímpar com a nossa marca, além de agregar valor e revelar grandes talentos."
 
Segunda escola a entrar na Avenida na Segunda-feira de Carnaval, a Portela tentará conquistar o 23º título de sua história com um enredo que contará a saga de imigrantes em busca de liberdade e paz, mostrando como judeus fugidos da Europa no século XVII, com destino ao Nordeste do Brasil, tiveram papel fundamental na formação da cidade de Nova Iorque. 


Link com o regulamento do concurso



Gaviões da Fiel inicia disputa de samba para o carnaval 2018

Nenhum comentário :
A escola de samba Gaviões da Fiel, realizou na noite desta sexta-feira (21), a sua Primeira Eliminatória de Samba Enredo, rumo ao carnaval de 2018.

O evento que foi realizado na quadra social da agremiação, situada no bairro do Bom Retiro, em São Paulo, contou com a apresentação de oito sambas que estavam participando da disputa do concurso que irá eleger o hino da agremiação para o próximo carnaval.



Quem compareceu e fez bonito a frente da Bateria Ritimão, foi Tati Minerato, Rainha de Bateria, que ocupa o cargo desde 2009. 

Em 2018, sendo a 5ª escola a desfilar no sábado de carnaval, os Gaviões trazem o enredo "Guarus – Na aurora da criação, a profecia Tupi…Prosperidade e paz aos mensageiros de Rudá" do carnavalesco Sidnei França.


Crédito das Fotos: Alex Sandro Gardel




21 de julho de 2017

Independente realiza festa julina neste sábado, 22

Nenhum comentário :
A escola de samba Independente Tricolor realiza neste sábado (22) a sua festa julina para a comunidade. Com entrada franca, o evento conta com diversas atrações  comidas típicas, bingo com excelentes prendas, brinquedão inflável  (escorregador, castelinho, pula pula) CORTESIA para as crianças de todas as idades, com música ao vivo, das 17h/18h30-pagode, das 19h/21:30-sertanejo, e encerramento da festa com a Bateria Ritmo Forte.





Estácio de Sá realiza primeira eliminatória nesta sexta, 21

Nenhum comentário :
Dez composições estão na disputa

A disputa que vai eleger o hino oficial com que a Estácio de Sá desfilará na Marquês de Sapucaí celebrando seus 90 anos de existência começa para valer nesta sexta, 21, a partir das 23h. Dez composições se inscreveram para o concurso que terá sua primeira eliminatória após a apresentação dos poetas no palco do Berço do Samba. A ordem de exibição  de cada parceria  acontecerá momentos antes de os poetas subirem ao palco para defesa dos sambas. A entrada custa R$30.


Bem localizado, o Berço do Samba fica próximo a três estações de metrô ( Praça XI, Estácio e Cidade Nova), além de ser corredor de passagem para diversas linhas de ônibus que ligam as principais regiões da cidade. Há facilidade de estacionamento no entorno e farta oferta de táxis no local. O endereço é Avenida Salvador de Sá, 206 – Cidade Nova. Informações pelo telefone 2504 2883.



Festa julina beneficente agita a quadra no sábado

Já no sábado, 22, primeira escola de samba do Brasil entra no clima das festas julinas e realiza mais uma edição do “Arraiá do Leão”, evento beneficente em prol da Casa de Apoio Santa Teresa, com a participação de quadrilhas e muito forró. As barraquinhas de doces, salgados e brincadeiras convidam o público a deliciar-se com os quitutes preparados pelos segmentos da escola. A festa começa às 18h com pagode. Em seguida, o Trio Ratatuia sobe ao palco com o melhor do forró abrindo alas para o show das quadrilhas que irão colorir o Berço do Samba com alegria e muita dança. A entrada é um 1kg de alimento não perecível


Em 2018, a Estácio de Sá será a última escola a se apresentar no primeiro dia de desfiles da Série A do Carnaval carioca. O enredo, que falará sobre os mercados populares, tem como título “No Pregão da Folia sou Comerciante da Alegria e com a Estácio Boto Banca na Avenida”. O tema está sendo desenvolvido pelo carnavalesco Tarcísio Zanon.

Grande Rio iniciará a sua disputa de samba-enredo 2018 neste domingo, 23

Nenhum comentário :
A Acadêmicos do Grande Rio inicia, no próximo domingo, 23, a disputa que  irá  escolher o samba-enredo para o seu próximo espetáculo, “Vai Para o Trono Ou Não Vai?”. O desfile, que levará a assinatura dos recém-chegados carnavalescos Renato e Márcia Lage, fará um tributo ao comunicador Abelardo Barbosa, que completaria o seu centésimo aniversário este ano.


A partir das 14:00 horas, na quadra da agremiação, todas as 26 parcerias subiram ao palco da Tricolor de Caxias para defenderem as suas obras. O resultado da eliminatória será divulgado na segunda-feira, convocando os compositores para mais uma disputa na terça-feira, 25, a partir das 20:00 horas.

A vermelho, verde e branco da baixada, que desfilará na quinta posição do Domingo de Carnaval, convoca todos para comparecem em sua quadra,  R. Alm. Barroso, 5 - Centro, Duque de Caxias, a partir das 14:00 horas, com a bilheteria a 5,00 reais, para mais um passo rumo ao carnaval 2018.



Unidos de Padre Miguel recebe Portela e apresenta sambas concorrentes em feijoada

Nenhum comentário :
No próximo domingo, 23 de julho, a Unidos de Padre Miguel realiza mais uma edição da sua tradicional feijoada , mas desta vez com dois destaques : a participação da coirmã Portela, atual campeã do carnaval e a apresentação dos  seis sambas inscritos na disputa que irá definir o hino da escola para o carnaval de 2018. 

 Com início às 14h, o grupo Pra te Emocionar, agita a feijoada , em seguida a Portela fará seu show e encerrando a festa , as parcerias apresentam suas obras. 

Os ingressos estão sendo vendidos na quadra da escola  de 09h às 18h, por apenas R$ 20,00 e você ainda ganha uma camisa UPM. Camarotes a partir de R$ 400,00. As mesas serão vendidas no dia do evento por  R$ 20,00 (não teremos venda antecipada de mesas). 

Foto: Diego Mendes

A quadra da Unidos de Padre Miguel fica na Rua Mesquita, 8 – Padre Miguel/Rio de Janeiro.

Em 2018 a vermelha e branca contará o enredo “O ELDORADO SUBMERSO: DELÍRIO TUPI-PARINTINTIN”, uma homenagem ao povo ribeirinho, o respeito à tradição pelos pajés e o festival de Parintins, interpretado no delírio do carnaval, como o Eldorado erigido no Amazonas, por preservar histórias encantadas durante as festas dos bois Garantido e Caprichoso.  O tema está sendo desenvolvido pelo carnavalesco João Vítor Araújo.

Serviço 
Feijoada UPM e apresentação dos sambas concorrentes. 
Data: 23/07
Horário:14h
Local : Quadra da Unidos - Rua Mesquita , 8, Vila Vintém - Padre Miguel 
Valor : R$ 20,00 com direito a feijoada e camisa .

20 de julho de 2017

Estácio de Sá promove arraiá beneficente no fim de semana

Nenhum comentário :
Forró e apresentação de quadrilhas estão entre as atrações da festa

O sábado (22) será de muito forró na quadra da Estácio de Sá.  A primeira escola de samba do Brasil entra no clima das festas julinas e realiza mais uma edição do “Arraiá do Leão”, evento beneficente em prol da Casa de Apoio Santa Teresa, com a participação de quadrilhas e muito forró. As barraquinhas de doces, salgados e brincadeiras convidam o público a deliciar-se com os quitutes preparados pelos segmentos da escola.

A festa começa às 18h com pagode. Em seguida, o Trio Ratatuia sobe ao palco com o melhor do forró abrindo alas para o show das quadrilhas que irão colorir o Berço do Samba com alegria e muita dança. A entrada é um 1kg de alimento não perecível


Bem localizada, a quadra da Estácio de Sá fica próxima a três estações de metrô ( Praça XI, Estácio e Cidade Nova) e também é corredor de passagem para diversas linhas de ônibus que ligam as principais áreas da cidade. Há facilidade de estacionamento próximo ao local e farta oferta de táxi. O endereço é Rua Salvador de Sá, 206 – Cidade Nova.

Serviço: Arraiá do Leão
Data:  22 de julho, sábado
Horário: a partir das 18h
Local: quadra da Estácio de Sá ( Rua Salvador de Sá, 206)
Valor: 1kg de alimento não perecível
Atrações: Quadrilhas e show com Trio Rapacuia

Inocentes reestrutura suas redes sociais para ampliar seu vínculo com a comunidade

Nenhum comentário :
A Inocentes de Belford Roxo está reestruturando suas redes sociais para que admiradores e componentes, acompanhem todos as notícias, agendas e acontecimentos importantes que envolvam a escola. O processo faz parte do plano de gestão para o Carnaval de 2018, que começou com a apresentação das novas contratações, lançamento do enredo e do seu hino oficial.

Segundo Marcio Pimenta, gerenciador das redes, um dos objetivos é aumentar o relacionamento com diversos segmentos, colher opiniões das pessoas que sempre prestigiam nossas festas e fortalecer o vínculo com a cidade. Para ele, é fundamental o apoio que o presidente Reginaldo Gomes, vem prestando. Aceitando as sugestões para mudanças e isso com certeza só engrandece as ações de modernidade da tricolor da Baixada.


Em apenas uma semana de criação a nova página do Facebook, já contabilizou centenas de internautas.

- Nós na Inocentes temos todos os recursos que precisamos para fazer um carnaval histórico e trazer o título para a Região da Baixada Fluminense. Mas para isso precisamos de uma parceria estreita com a nossa comunidade. Eu, Carim e Jansem estamos procurando fazer um trabalho bem coesso para que um dos pontos fortes na avenida seja o nosso canto. Com a nova organização das redes sociais poderemos escutar os anseios da comunidade a todo momento, mesmo quando não estivermos diretamente, na quadra de ensaios e dialogar a respeito do projeto do carnaval e ficaremos mais fortes para cobrar e ser cobrados, pois teremos um canal direto -  disse, Luiz Carlos Amâncio da Comissão de Harmonia da Escola.

A Escola de Belford Roxo irá levar para a Avenida Marquês de Sapucaí, no Sábado de Carnaval, o enredo: 'Mojú, Magé, Mojúbà - Sinfonias e batuques", do carnavalesco Wagner Gonçalves. Que comemora os 452 anos da fundação do município de Magé.

Para ter acesso as redes sociais da Inocentes de Belford Roxo acesse:

https://www.instagram.com/inocentes.original

https://www.facebook.com/inocentes.original

Nenê de Vila Matilde inicia disputa de samba neste sábado, 22

Nenhum comentário :
A escola de samba Nenê de Vila Matilde realiza neste sábado (22), a partir das 22h,  a sua primeira eliminatória da disputa de samba que vai escolher a obra que embalará o enredo "A Epopeia de uma Deusa Africana" no carnaval 2018.

A entrada é um 1kg de alimento não perecível (exceto açúcar e sal). A quadra da agremiação fica na rua Julio Rinaldi 1 - Penha - São Paulo
Foto: Paulo Pinto / LIGASP / Fotos Públicas

Ouça os sambas concorrentes


Claudio Buchecha, Junão Lima, Gilson Caffé, Lelo Garoto, Pablo, Chiquinho da Nenê, Carauba, Hermes Sobral

Eduardo Regianno, Mario Caselli, Leonardo Bessa

Fernandinho SP, Nando, Martins, Marcelo Lepiane e Regis Magoo

Juninho da Vila, Rodrigo Costa, Carlos Bebeto, Giovanni Pinheiro e Dudu Costa

Kaska, Silas Augusto, Vitão, Zé Paulo Sierra, Léo do Cavaco e Luis Jorge

Leandro Damasceno de Souza, Nino Miau, Yvison Pessoa, Marcelo Zola, Helinho Eds

Paulinho Farias, Edimar do Salgueiro, Xandão Santos e Anderson de Deus

Rogério Papa, André Ricardo, Jacopetti, Alexandre Gordão, Luizinho Mendes, Adeilton Almeida, Japones, Leandro Calil e Marcelo Careca

Tonn Queiroz

19 de julho de 2017

Leandro de Itaquera disponibiliza sinopse para os compositores

Nenhum comentário :
A escola de samba Leandro de Itaquera, do grupo de acesso do carnaval de São Paulo, já está disponibilizando a sinopse do carnaval 2018. Os interessados devem procurar o intérprete Juninho Branco através do whatsapp 96471-6517.

A entrega dos sambas está prevista para o dia 20 de agosto.

Em 2018 a agremiação comemorará o centenário do Lions Clube Internacional com o enredo "A Celebração da solidariedade no mundo. Onde há necessidade, há um Leão!"


PROSA DO FOLIA: Sidnei França, carnavalesco dos Gaviões da Fiel

Nenhum comentário :
Para 2018 ele chega na maior torcida organizada do Corinthians com a missão de falar sobre "Guarus", quer saber mais sobre o enredo, carreira e muito mais sobre esse artista ? Hoje é dia de Prosa do Folia com Sidnei França, carnavalesco dos Gaviões da Fiel ?




Quem é o Sidnei França  ? 
- Sidnei França é um jovem carnavalesco, rapaz que desde criança sempre gostou e amou o carnaval e hoje consegue do seu jeito, da sua maneira, um caminho para materializar, criar, desenvolver tudo que um dia viu e se deslumbrou. Feliz por fazer o que gosta, de trabalhar no carnaval, de atuar no cenário que sempre foi um sonho, algo que parecia distante, apesar de ter sempre envolvido na infância e adolescência na Mocidade Alegre, ao mesmo tempo  trabalhar e atuar como carnavalesco sempre foi um sonho tanto como incerto e hoje é realidade. Me defino como uma pessoa feliz por amar o carnaval e deixar minha contribuição a essa cultura que sempre guardei com tanto valor na minha alma e no meu coração. Sou Paulistano nascido na Casa Verde, onde moro ate hoje, levado para o samba pela minha mãe e amigos de infância para a Mocidade Alegre, da escola que comecei como sambista e lá aprendi muito não só sobre o carnaval mas sobre a vida. Lá que eu aprendi tudo que hoje eu desenvolvo, desde a criação de um enredo como conhecimento materiais. Também estão na Mocidade pessoas que são muito próximas, pessoas em momentos de saúde , doença, vida pessoal estiveram comigo, pessoas que sou padrinho de casamento mas como todo filho que cresce e desenvolve eu também precisei ganhar o mundo para adquirir conhecimento, outros formatos, experiências e tudo tem sido muito rico. Eu hoje sou uma pessoa que passou por varias situações na vida e mudei, hoje tenho um temperamento muito equilibrado, procuro ter precisão no planejamento, me organizar bastante, para que nada fuja do contexto mas sempre respeitando o próximo. Procuro não ser só um líder no barracão mas motivar as pessoas, já passei por isso também e procuro ser sempre uma referência de uma gestão humana, lidar com equilíbrio, resultado, humanidade e respeito ao próximo.

Como começou a sua relação com o carnaval ?
- Começou na primeira infância, eu com dois anos de idade frequentava os ensaios da Mocidade Alegre com amigos, vizinhos,lembro do seu Valdir que hoje é da velha guarda da Morada, que eram muito atuantes, a partir dai peguei gosto pelo carnaval e pela mocidade. Minhas primeiras lembranças de infâncias são de primos, mãe e o próprio vizinho Valdir, bordando, lantejoulas vermelhas e placas de acetato branca,naquela época era diferente, as próprias pessoas faziam suas fantasias, essas lembranças estão no meu pensamento e na minha memória, ai desenvolvi esse gosto. Meus tios me levaram para ver a Peruche, desde a infância isso só foi crescendo, via desfiles pela tv fascinado, aos 8 anos fui ver o primeiro desfile na avenida Tiradente e la eu me apaixonei definitivamente pela Mocidade Alegre. Quando criança com primos cada um tinha uma brincadeira e eu queria brincar de escola de samba, fazia cada um escolher uma escola e desfilar rs, assistia os desfiles na tv  e eu mesmo dava as notas no caderninho, fazia minha própria apuração rs isso que me deu suporte para futuramente ingressar nessa carreira.


Por quais escolas você já passou ?
- Iniciei na Mocidade Alegre como sambista, fiz parte de  ala, diretor de eventos, diretor cultural e carnavalesco, em 2016 fui para desenvolver o carnaval 2017 da Vila Maria uma escola querida que eu não conhecia e aprendia a gostar e ainda recebi um presente que foi o enredo dos 300 anos da aparição da Nossa Senhora de aparecida e atualmente Gaviões da Fiel, uma escola que me acolheu com muita boa vontade e to sendo muito feliz, trarei o enredo Guarus, indígena, baseado na mitologia tupi guarani que explica a origem do nome que gerou Guarulhos, cidade metropolitana de São Paulo.

Em 2018 você estará na Gaviões da Fiel, como surgiu o convite ?
- Surgiu logo após eu anunciar meu desligamento da Vila Maria, e fiquei bastante surpreso e feliz. Como sambista conheço a grande história da Gaviões da Fiel desde a época de blocos, a agremiação apresentou um grande crescimento, foi responsável pelo alavancamento das estruturas das alegorias, carros bem acabados e oponentes e desfile bem luxuosos e vistosos alem de grandes sambas. Recebi o convite com bastante alegria também pelo fato de ser corintiano, hoje poder assinar o carnaval da maior torcida do clube, que é uma das minhas paixões,tudo isso junto me deu um sentimento satisfatório de poder integrar essa história que é incrível e tem uma força imensa.

O anúncio do enredo foi algo que alegrou os torcedores da Gaviões, teve um retorno muito bom, isso se torna uma pressão maior para desenvolver o desfile ?
- O enredo teve uma aceitação muito positiva principalmente pelos integrantes da escola, não vejo que isso aumente a responsabilidade, quando ele foi projetado, ele já tinha esse viés de ser para uma escola que por si só já é quente, já tem personalidade, as coisas só se completam. É um enredo para motivar e impulsionar a escola, a aceitação não foi um fator inesperado nem surpresa, essa valorização tem que ser no aspecto de acrescentar, não de pesar ou aumentar a responsabilidade.


"É um enredo para motivar e impulsionar a escola"

De onde vem inspiração para enredos autorais ?
- A inspiração vem do meu gosto pela história, pesquisas e assuntos que envolvam a humanidade. Os temas que desenvolvo são todos de um viés humanistas muito forte. O enredo do espelho por exemplo, o espelho é apenas um objeto mas eu coloquei ele como algo que reflete a alma humana, temos outros como ilusões, o riso, a padroeira do Brasil e agora Guarus na Gaviões. Esses enredos vem do meu gosto pela humanidade, o funcionamento humano, normalmente são bem aceitos pelas escolas porque traduzem a necessidade da sociedade atual, que é aproximar uma pessoa da outra, vivemo numa sociedade muito individualista. Quando falamos de origem, raiz, são questões importantes para que a gente saiba da onde viemos e o que preparamos para o nosso futuro.


Você é carnavalesco mas o samba no pé, você tem ?
- Sim sim, tenho samba no pé sim, com certeza, a gente da conta do recado rsrs

Você tem alguma inspiração no samba ?
- Tenho várias inspirações no samba, muitos sambistas, grandes nomes, alguns eu tive a felicidade de conhecer e compartilhar conhecimento. Destaco o Juarez da Cruz que é muito do pouco que eu sou hoje e isso eu devo a ele, pelos conselhos , pelos ensinamentos, as tarde que eu passava na casa dele conversando cobre carnaval, carnavalesco e a Mocidade Alegre, com ele eu aprendi demais, um nome que ficou para eternidade. Também destaco o Joaosinho Trinta que é o pai do todos os carnavalescos atuais no sentido de criar esse delírio fascinante que é contar uma história que nem sempre é verdadeira mas é fascinante no campo do "altar dos intocáveis", destaco o Joaosinho Trinta. 

O que o carnaval mudou em sua vida ?
- Sem exagero nenhum mudou tudo em minha vida, antes eu era uma pessoa que tinha um trabalho fora carnaval, com horários predominados e o carnaval mudou toda a minha rotina. Sair de uma vida digamos formal corporativa para uma vida criativa e livre de horários, até minhas relações, meu grandes amigos e pessoas que eu me relacionei e me relaciono são do carnaval, pessoas da minha família passaram atuar no carnaval por influência minha. O carnaval  mudou os paradigmas, os parâmetros e os projetos. 

O que podemos esperar da Gaviões em 2018 ? 
- Um desfile bastante arrojado no sentido de soluções estéticas que dê vazão a um tem humanista, rica antropologicamente falando, um desfile tanto quanto poético e emotivo. A escola vai conseguir absorver esse padrão que tô buscando no preparo desse novo carnaval. Estou na expectativa de um bom samba para que a escola possa unir a plástica com um chão mais quente, um samba que embale a escola e que as pessoas consigam entender a proposta a história do enredo. Temos um enredo bem costurado no sentido de começo, meio e fim, buscamos causar uma emoção com aquela resposta que a Gaviões sempre busca nas arquibancadas, que não dure apenas 3 minutos e sim todo o desfile.

Deixe seu recado aos internautas do "Folia do Samba" e aos admiradores do seu trabalho
- Quero deixar a todos os internautas do Folia do Samba e quem admira meu trabalho um grande abraço em sinal do meu reconhecimento e respeito, pelos votos de confiança que depositam em mim, sempre recebo créditos de apoio, incentivo e isso é muito importante. Não somos uma ilha, precisamos de pessoas que nos ajude, são pessoas que são companheiras do nosso trabalho. Também agradeço a diretoria da escola que nos dá todo o suporte necessário, todo meu apoio e acolhida que recebo nas redes sociais e pessoalmente. Que todos os sambistas ligados no Folia do Samba tenham uma carnaval 2018 mágico e que possam se sentir orgulhosos.


2º RANKING: Top 10 sambas concorrentes 2018

Nenhum comentário :
O Folia do Samba divulga o segundo ranking dos sambas concorrentes mais visualizados através do nosso canal no Youtube tanto do carnaval de São Paulo quanto o do Rio de Janeiro. Quem lidera o topo são 3 parcerias da Mocidade Alegre. Vale lembrar que os três finalistas da Tucuruvi, que escolhe samba neste sábado (22) também estão na lista. Confiram as 10 obras mais acessadas em nosso canal.


1º Parceria de Igor Leal - Mocidade Alegre - 2.090 acessos

2º Parceria de Biro Biro - Mocidade Alegre - 1.879 acessos

3º Parceria de Rapha SP-  Mocidade Alegre - 545 acessos

4º Parceria de Felipe Filósofo - Viradouro - 303 acessos

5º Parceria de Turko - Mocidade Alegre  - 295 acessos

6º Parceria de Turko - Tucuruvi - 269 acessos

7º Parceria de Araken - Tucuruvi - 211 acessos

8º Parceria de D'Xango - Peruche - 209 acessos

9º Parceria de Acerola de Angola - Tucuruvi - 207 acessos

10º Parceria de China - Estácio de Sá - 203 acessos

Unidos das Vargens apresenta a logo do enredo para o carnaval 2018

Nenhum comentário :
A Unidos das Vargens, agremiação do bairro de Vargem Grande - Zona Oeste do Rio, será a 6ª escola a desfilar pelo grupo B, dia 13 de fevereiro, terça-feira de carnaval com o enredo ‘Na semente de Oxum e Odè… O equilíbrio, a paz e a beleza do amor’, assinado pelo carnavalesco Lane Santana. A escola vai exaltar a beleza que existe na humildade, no perdão, na união. A beleza da natureza, do encontro entre o rio e o mar. A exuberância resplandecente da vida de Oxum e Odè, suas virtudes e legado através de sua semente.


A sinopse do enredo será divulgada e entregue no próxima dia 31 de julho, às 20 horas na sede da Associação de moradores de Vargem Grande localizada na Estrada do Pacuí, 80.



Ala dos compositores do Jacarezinho anuncia disputa de samba-exaltação para esquenta da bateria

Nenhum comentário :
Após reunião realizada nesta terça-feira, 18, a ala dos compositores da Unidos do Jacarezinho confirmou a realização de um concurso para escolha de um samba-exaltação, que será usado como esquenta da bateria no desfile do carnaval 2018. A iniciativa partiu de uma ideia conjunta dos membros e diretoria, pois a escola já havia anunciado que não faria disputa de sambas de enredo para o próximo carnaval.

Para participar do concurso, cada parceria deverá cumprir com uma taxa de R$10 por compositor, respeitando o limite de seis componentes, que deverão escrever sobre o amor do sambista pelo G.R.E.S. Unidos do Jacarezinho. A data limite para entrega das obras será o dia 20 de agosto, às 20h na quadra da escola.
Foto: Hélder Martins

- Esta exaltação será o samba que vai fazer a escola esquentar para o desfile do ano que vem, motivando os componentes. É muito importante, pois depois o enredo vai passar, virão outros, mas este samba ficará marcado e eternizado no coração da comunidade - ressaltou o presidente da ala dos compositores, Erli Francisco.

Presidida pelo senhor Erli, a ala dos compositores da Unidos do Jacarezinho, que tem como vice-presidente Wilson Pontes, recebeu total apoio da diretoria da escola, que firmou o compromisso de uma premiação em dinheiro para a parceria campeã do concurso. A Tricolor Suburbana prepara ainda o lançamento do samba, que está sendo composto pelos próprios compositores e baluartes da agremiação.

Vila Isabel reforma barracão e se reestrutura para fazer desfile de alto nível

Nenhum comentário :
A Unidos de Vila Isabel quer fazer um carnaval bem diferente do último em 2018. E sabe que para executar de forma satisfatória esta meta precisa se organizar perfeitamente. A reestruturação já começou na reformulação quase completa de seus profissionais e a formação de uma comissão de carnaval com nomes cumprindo funções bem específicas. O carnavalesco Paulo Barros, Ricardo Fernandes, Moisés Carvalho e Luiz Guimarães formam o time que gerencia o carnaval da agremiação. Entre as ações primordiais do quarteto nos primeiros meses de trabalho, esteve a reforma do barracão.

Um barracão que funciona reflete no carnaval na Avenida. Dentro do barracão confeccionamos tudo do nosso desfile. Não tem como não sermos planejados. Isso só é possível com limpeza e organização. Problemas sempre vão existir, mas a organização faz você minimizá-los, saber como vai gerenciar. Olhamos em volta e sabemos o que temos. Passamos mais tempo aqui do que na nossa própria casa, então não tem porque não fazermos desta forma – explica Moisés Coutinho.


Confira abaixo todas as transformações feitas no barracão da Unidos de Vila Isabel nos últimos meses:  


1ª andar 

- Transformação da antiga sala da direção de carnaval em espaço para carpintaria.

- Criação da área das ferragens, o que não havia anteriormente. Os ferros ficavam em “ilhas” espalhadas pelo barracão, deste modo, o espaço que era utilizado pela carpintaria, se transformou na nova área das ferragens.

- Desmontagem dos carros alegóricos. Atualmente todos estão no “ferro”, recebendo manutenção preventiva.

- Limpeza e pintura do pátio. 

- Reforma da recepção que será reinaugurada em breve. 


2º andar

- Criação de refeitório multiuso, onde foram colocados grandes espelhos numa parede ociosa. Após as refeições do dia, o local se transforma em uma sala para ensaio técnico de casal de mestre-sala e porta-bandeira, comissão de frente e segmentos de dança. 


3º andar

- Criação de painel com a logo e o nome da Vila na entrada da recepção.


4º andar

- Criação de "baias" para separação de atelier de fantasias.

- Nova área de pintura com cortina de plástico transparente e colocação de exaustores que “empurram” o resíduo da tinta para a janela do barracão, renovando o ar e fazendo com que o cheiro não fique no local.

- Nova área de “isopor” com cortina de plástico transparente que bloqueia as “sobras” de material de isopor, impedindo que entrem no pátio onde ficam: atelier de costura, placas etc.

- Limpeza e pintura das escadas de todos os andares e sinalização indicativa. 


A Unidos de Vila Isabel será a terceira escola a desfilar no domingo de carnaval com o enredo ``Corra que o Futuro Vem Aí``. O desfile será desenvolvido pelo carnavalesco Paulo Barros

FOTOS: EDUARDO HOLLANDA 








Tradição divulga sinopse do enredo 2018

Nenhum comentário :
A Tradição, quarta escola a desfilar pela Série B no Carnaval 2018, entregou na última terça, dia 18, aos compositores interessados em participar do concurso de samba-enredo, a sinopse e o regulamento do enredo "Sabá - soberana da Etiópia, sedutora de Jerusalém", do carnavalesco Leandro Valente. 

A presidente Raphaela Nascimento destacou a importância da eliminatória para a escolha do hino oficial. "Ano passado não fizemos eliminatórias mas resolvemos realizar o concurso este ano. Estou há três anos à frente da escola e posso garantir que não existe rolo ou indicação. A seleção será feita com total lisura. Vamos escolher o melhor samba para a parte artística, para a Tradição e para o nosso desfile. Como seremos a quarta escola a desfilar na Intendente, queremos um samba forte e valente, como é o nosso enredo. Iremos premiar com troféus os três primeiros lugares, ou seja, o samba campeão, e também os que ficarão no segundo e terceiro lugares. É uma forma de valorizar os compositores e suas obras. Resolvi fazer a disputa em quatro semanas, sendo que no dia da apresentação poderá haver ou não corte de samba, até porque dependerá do número de obras inscritas. Desejo boa sorte para todos os poetas", ressaltou. 
Foto: Adriana Vieira

Antes da apresentação da sinopse, o presidente da ala dos compositores, Lima, e o diretor da ala, Alex Araújo, leram o regulamento e explicaram como será a disputa de samba. Eles comunicaram que no dia 01 de agosto haverá a segunda explanação do enredo na quadra a partir das 20 horas.
Em seguida, foi a vez do carnavalesco Leandro Valente falar do enredo e ler a sinopse para os compositores presentes. "Quero mostrar aqui para todos que independente de crise política, do que está passando na prefeitura da cidade e no Carnaval, que podemos sim fazer samba, porque temos hoje potencial sendo  na Sapucaí ou na Intendente, de colocamos na Avenida a nossa maior manifestação artística, cultural e folclórica desse país: o Carnaval. Precisamos muito dos compositores, porque a trilha musical do que vamos contar depende muito de vocês poetas. O grupo dos compositores é a parte que colocamos como a mais importante, já que o desfile começa naquele momento do grito de guerra do intérprete cantando o samba na Avenida. 
Quando o desfile acaba o samba é o que marca o que aconteceu. Nosso enredo falará de uma das negras mais poderosas da humanidade. Peço a vocês que enalteçam uma África nobre e diferente. Vamos retratar a história dessa mulher poderosa, negra e feminista. Ela se achava soberana e partiu para  Jerusalém para conquistar o rei Salomão. Essa nobreza e o gesto heroico dela entregar o filho ao trono africano que eu gostaria de ver retratado no samba. Boa sorte aos compositores", destacou.


Sinopse G. R. E. S. Tradição Carnaval 2018

SABÁ: SOBERANA DA ETIÓPIA, SEDUTORA DE JERUSALÉM


A força e a realeza da mulher negra incorporada em uma soberana que a África nunca esqueceu. Foi para a Etiópia que os deuses do continente negro enviaram MAKEDA, a Cleópatra Negra, a tulipa rara, a rainha virgem mais forte e inteligente que a terra mãe de nossos ancestrais já viu.

Sua beleza e inteligência reinaram soberanos na Etiópia dos ancestrais e sua fama chegou aos rincões mais distantes do mundo conhecido. Seus súditos dançaram agradecendo aos espíritos por terem mulher tão divina em seu trono. A fartura reinou em toda a terra governada por seu cetro e a paz pairou como brisa leve e perfumada para todos que se curvaram aos seus pés.

Um enredo inédito, de uma das histórias reais mais fascinantes e pouco conhecidas da Àfrica. E de uma beleza poética e estética incomparável.

Um dia, enquanto reinava, Makeda recebeu a visita de mercadores judeus, que contaram como é a vida muito longe dali, em Judá. Falaram ainda sobre a inteligência do rei Judeu, Salomão. Muito sagaz, a soberana quis saber tudo sobre ele. Encantada com o que ouviu, se apaixonou por aquele Rei que, em sua visão, poderia ser o único homem de sua vida.

Não pensou duas vezes. Deixou a Etiópia em direção a Jerusalém, em comitiva mágica pelas savanas, florestas e desertos, com milhares de pessoas e 800 animais. A viagem durou cerca de um ano, com o encontro com muitas culturas e povos diferentes. Nômades, criminosos, prostitutas, reis, negros, pardos e árabes.

Finalmente, a soberana Makeda entra na cidade Santa, Jerusalém, com toda pompa de uma nobre africana. Ao chegar, é recebida pelo Rei Salomão. Ambos se encantam um com outro, se apaixonam e têm uma noite de amor digna das histórias mais fascinantes do mundo antigo. As mil e uma noites em uma só. Makeda seduz Salomão e toda Jerusalém. Casa-se com ele e, convertida, passa a ser conhecida como RAINHA DE SABÁ. Seu nome e sua fama tomaram conta de toda a Ásia e África e nunca mais foi esquecido. A Torá, o Antigo Testamento, o Novo Testamento, todos eles fazem menção a sua trajetória.

Ciente de que seu povo negro precisava de sua ajuda, MAKEDA, A RAINHA DE SABÁ, mesmo grávida, retornou em pouco tempo para sua terra. Deixou seu amor para traz para cumprir sua função de soberana. Como uma Deusa, olhou para seu povo com misericórdia e o acolheu. Ainda em sua viagem, pouco antes de chegar a sua casa, o reino de Aksun, deu a luz a seu filho com Salomão, o futuro IMPERADOR da Etiópia. 

Seu gesto heroico de retorno e de sacrifício pelo seu povo a eternizou como uma das mais corajosas e amorosas rainhas de todos os tempos. No carnaval, MAKEDA é alçada ao trono das mulheres fortes, mostrando o quanto uma mulher pode fazer por seu povo, pelo amor e pela humanidade. Como uma grande rainha, Sabá ergue seu filho e, perante a todos num gesto de generosidade e gratidão, entrega seu filho, o mais novo imperador, nos braços do povo. No carnaval, Sabá descobre os encantos da folia de momo e, acolhida pelas nossas mães dos sambas e pelo amor do verdadeiro sambista, entrega seu nobre filho nos braços da nossa comunidade. Com as bênçãos do Condor, o berço africano se transporta para Campinho, Oswaldo Cruz e Madureira. O reino Aksun ganha cores do nosso pavilhão e, de azul e branco, essa linda e emocionante história cai nos braços da nossa amada Tradição.

Carnavalesco Leandro Valente