19 de dezembro de 2016

Escolas de samba se apresentam na virada do ano

Nenhum comentário :
O Réveillon de Copacabana é uma das principais celebrações ao redor do mundo para celebrar a chegada do ano novo. A festa nas areias da praia reúne anualmente cerca de 2 milhões de pessoas para assistir ao tradicional espetáculo da queima de fogos e festejar, ao som de muita música, os primeiros minutos do ano que acaba de chegar.

A festa é promovida pela  Prefeitura do Rio, por meio da  Riotur, com produção da  SRCOM. O patrocínio é da Caixa e da Antarctica, e entre os apoiadores estão ABIH/RJ, TV Globo, Infoglobo e Sistema Globo de Rádio.

Foto: dhani b | Riotur

Para encerrar com chave de ouro o ano do centenário do samba, dose dupla de carnaval: Unidos da Tijuca e Mangueira vão colocar todo mundo pra sambar até o dia clarear. A bateria da Tijuca, que não leva o nome de Pura Cadência à toa, vai esquentar o público com os sambas que ajudaram a conquistar tantos títulos para a escola amarela e azul – entre eles, o segundo lugar do ano passado, “Semeando sorriso, a Tijuca festeja o solo sagrado”. Campeã do carnaval 2016, a Mangueira promete fechar a festa em grande estilo com o enredo vitorioso, que comemorou os 50 anos de carreira da cantora Maria Bethânia – além, claro, de sambas inesquecíveis de outros carnavais.

Réveillon 2017 também será comemorado em outros pontos da cidade

No Parque Madureira, a festa começa com Velha Guarda da Império Serrano, segue ao som do DJ Michel, do Baile do Viaduto, e do Grupo Arruda. Depois, o ritmo esquenta com Naldo Benny. Em seguida, Portela fecha a noite.

Quem busca um réveillon mais tranquilo pela Zona Sul carioca pode curtir a celebração no Flamengo, no palco montado na altura da Rua Dois de Dezembro. Este ano o evento vai contar com Luiz Kiari, Vtrix, São Clemente e Salgueiro. 

Foto: Alexandre Macieira | Riotur

Os insulanos terão a oportunidade de aproveitar a tradicional noite na praia da Bica, na Ilha do Governador. A festa tem início com o DJ PH, seguido de Bruno Maia, Intimistas e, na sequência, se apresentam ImaginaSamba e União da Ilha.

No Piscinão de Ramos, o público contará com várias atrações, tendo o funk e o pagode como principais ritmos. A festa começa com o DJ Érick, que será seguido por diversos MCs do funk, Bonde do Vinho e Ferrugem. As escolas de samba Beija-Flor e Grande Rio completam a programação.


No IAPI da Penha, a festa terá queima de fogos, com direito a contagem regressiva. A noite começa ao som de DJ Café, Beleléu, Banda Holograma e segue animada pelo grupo Clareou. Depois, a bateria da Imperatriz coloca todo mundo pra sambar. 

Foto: Alexandre Macieira | Riotur

A bucólica Ilha de Paquetá terá sua festa da virada na praia da Moreninha animada ao som de DJ Beto Mancha, Claudio Zolli, Swing & Simpatia e encerramento da Paraíso do Tuiuti.

A Zona Oeste não poderia ficar de fora. Dois palcos foram montados, um em Sepetiba e outro em Pedra de Guaratiba. No primeiro, na Praia do Recôncavo, vai ter DJ Alex Correia, Jonathan Alexandre, Coisa Séria, Chininha e Príncipe e Mocidade Independente. No segundo, na Rua Barros de Alarcão, a programação tem DJ Moisés Junior, Pura Amizade, Alex Cohen e Tá na Mente, fechando com Vila Isabel.

Nenhum comentário :

Postar um comentário