30 de janeiro de 2017

Jackson Senhorinho e Fernanda Lhove formam o novo primeiro casal da Caprichosos

Nenhum comentário :
A Caprichosos de Pilares anunciou na tarde desta segunda-feira, dia 30, o novo primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira para o desfile do carnaval de 2017. Jackson Senhorinho, segundo mestre-sala da Vila Isabel, e Fernanda Lhove, porta-bandeira da Beija-Flor, foram contratados para substituírem o ex-casal, Fábio Júnior e Natália, dispensados no último ensaio da agremiação.
 
"Estamos na reta final dos trabalhos para o desfile oficial, por isso, cobramos mais dedicação e comprometimento. Decidimos dispensar o casal e estamos anunciando o Jackson e a Fernanda para ocuparem a vaga. Eles serão apresentados aos segmentos, componentes e comunidade no ensaio desta terça-feira, dia 31 de janeiro", revelou o diretor de carnaval, Marquinhos do Toldo.
 
Jackson Senhorinho começou a frequentar a Escola de Mestre-Sala e Porta-Bandeira Mestre Dionísio em 2006, acompanhando um amigo. E como aluno recebeu vários convites, desfilando pelas escolas de samba Arrastão de Cascadura, Vila Santa Teresa, Mocidade de Vicente de Carvalho e  Unidos de Vila Isabel.
 
 
Segundo ele, o namoro com a Caprichosos de Pilares já era antigo, mas só agora foi confirmado. "Através do diretor de Harmonia, que é um amigo particular, recebi essa missão de integrar um time forte para retomarmos o prestígio que a escola já teve em outros tempos. Juntar duas peças que já abrilhantam o Grupo Especial, foi uma ideia brilhante e que dará certo com certeza, pois conheço a Fernanda há bastante tempo e sei de todo o seu potencial. Como temos pouco tempo até o carnaval, além dos ensaios junto à comunidade, estamos fazendo os nossos particulares na academia em que atuo como profissional de Educação Física", ressaltou.
 
A porta-bandeira Fernanda Lhove também começou na Escola de Mestre-Sala e Porta-Bandeira Mestre Dionísio em 1998, onde conheceu a arte e, também, no projeto da Tia Selminha. Ela acrescentou que é a segunda porta-bandeira de Selminha Sorriso na Beija-Flor de Nilópolis.
"Profissionalmente comecei a dançar em 2003. Quem me deu a oportunidade de dançar foi o mestre Laila, onde de quinta passei a ser a segunda porta-bandeira de Selminha Sorriso. Passei pela Caprichosos de Pilares de 2004 a 2005 como segunda porta-bandeira tendo como mestre-sala Sandro Avelar. Mestre Manoel Dionísio foi uma pessoa que me orientou e ajudou a entender tudo da arte de bailar", ressaltou.
 
Ela passou pelas escolas de samba Boi da Ilha, Arranco, Unidos de Padre Miguel e Caprichosos de Pilares. "É uma honra retornar à Caprichosos, uma casa onde tenho um imenso carinho. O convite surgiu do diretor de carnaval, Marquinhos do Toldo, e do diretor de harmonia, André Jales, que entraram em contato comigo. Marcamos uma reunião e acertamos. Estou indo para a Caprichosos para ajuda-la a voltar para o seu lugar, que é a Sapucaí, e agradeço pela oportunidade. Me sinto feliz em ajudar a escola. Pretendo passar na Intendente com garra e conquistar as notas máximas. Já tenho amizade com o Jackson há mais de dez anos. Vamos fazer o melhor", explicou.

Nenhum comentário :

Postar um comentário