23 de janeiro de 2017

PROSA DO FOLIA: Gil Jung, musa da Nenê de Vila Matilde

Nenhum comentário :
Hoje é dia de conhecer um pouco mais de Gil Jung. A nossa Prosa do Folia é com a  musa da Nenê de Vila Matilde.
Foto: Fernando Vignola
Para começarmos fale um pouquinho sobre você (um lado que as pessoas não conheçam)
- Meu nome é Gilmara Jung, meus amigos me chamam de Gil, meu signo é câncer,sou gaúcha, de descendência alemã, sai de casa com 16 anos de idade, meu primeiro emprego foi num supermercado na cidade onde eu morava. Com 21 fui chamada pela agência mega Models para participar de Casting de modelo comercial em São Paulo, foi onde tudo começou na minha carreira de artista.

Como começou sua trajetória no mundo do samba ? Por quais escola você já passou ?
- Minha trajetória no mundo do samba começou em 2013 como rainha de bateria da Tatuapé em São Paulo. Já passei pela Mocidade Independente de padre Miguel no Rio, onde desfilo também esse ano em um carro e musa de bamba da Nenê de Vila Matilde.

Como veio o convite para ser musa da Nenê de Vila Matilde ?
- O convite para a mesma surgiu desde o primeiro ano em que entrei no carnaval como rainha da Tatuapé, um dos diretores O Magno de Souza sempre me convidava pra conhecer a escola até que em 2016 eu topei e entrei como musa da escola.
Foto: Renato Cipriano

O que você pode adiantar do carnaval 2017 ?
- No carnaval de 2017 quero colorir a vida das pessoas trazendo muito amor e alegria esse é meu ideal.

Qual seu carnaval e seu samba mais marcante ?
-  Todos os carnavais são especiais,cada um tem seu charme é fantástico em todos os quesitos e posições! O samba que mais me marca é quando escuto o hino da bateria da Nene ,é inexplicável quando a bateria de bamba toca e ouvimos o famoso refrão:(chegou a bateria da Nene...)
Foto: Fernando Vignola

Como é a sua preparação para o carnaval ?
- Estou me preparando com dieta regrada, treinos de musculação 3 vezes por semana e aulas de samba além dos ensaios

Já aconteceu algum imprevisto na hora do desfile ?
- Durante o desfile muita coisa inusitada pode acontecer, comigo já aconteceu de cair o costeiro  em plena avenida no recuo da bateria mas com a ajuda de algumas pessoas consegui colocar sem que os jurados percebessem,tem que ter jogo de cintura e desenvoltura para lidar com os imprevistos, é tudo muito rápido.

Você tem alguma inspiração no samba ?
- Minha inspiração no samba é a rainha Viviane Araújo, gosto de tudo nela, eu a considero uma grande referência. Sabrina Sato e Ellen Roche também.
Foto: Renato Cipriano

O que o carnaval mudou em sua vida ?
- O Carnaval serve pra fazer história, a gente conta história fazendo história, é uma grande responsabilidade pois o que levamos para o público ficará registrado por muitos anos, é entender que é importante levar alguma coisa especial para o grande público, como amor,entusiasmo, fé e alegria de viver.

Deixe seu recados para os internautas do Folia do samba
- Gostaria de deixar um beijo para os internautas do Folia do Samba com muita luz, paz amor e tudo de bom, espero que gostem,prestigiem e aproveitam essa grande festa que fazemos com muita garra amor e carinho!
Foto: Felipe Araujo

Nenhum comentário :

Postar um comentário