2 de maio de 2017

2 de maio de 2017

Rogério Júnior e Julinha formam o novo casal do Tupy de Braz de Pina

Nenhum comentário :
O Tupy de Braz de Pina anunciou o novo casal de mestre-sala e porta-bandeira para o Carnaval 2018. Rogério Júnior e Julinha formarão o novo primeiro casal da azul e branco da Zona Norte e serão apresentados no dia 13 de maio no Restaurante Magustão, juntamente com a nova equipe formada pelo presidente Fábio Augusto.


Rogério Luiz dos Santos Júnior, o Rogério Júnior, gerente de loja, começou no samba com dez anos de idade, em 1998, na Ala de Mestre-sala e Porta-bandeira Mirim da Acadêmicos do Grande Rio, na época presidida por Catarina Valle, tia do atual mestre-sala da Caprichosos de Pilares, Douglas Valle. 

"A ala era de um Projeto da Grande Rio, hoje pertence à Pimpolhos. Desfilei na Grande Rio e, em seguida, fui para a Estrelinha da Mocidade, Mocidade Independente, Mel do Futuro, Boi da Ilha, Rosa de Ouro, União de Jacarepaguá e Mocidade Unida da Cidade de Deus. O presidente Fábio Augusto me conhece desde novo e no dia do desfile da Série E, na Intendente, ele conversou comigo e me fez o convite. Ele marcou uma reunião após o Carnaval e aceitei o convite. Meus planos é fazer o melhor e conquistar as notas máximas para a escola. Queremos ser campeões. Achei o enredo muito interessante, rico e abrangente. Nossa apresentação oficial será no dia 13 de maio e já iniciaremos os nossos ensaios", ressaltou.


Julie Reis, conhecida como Julinha, 27 anos, analista de treinamento e Recursos Humanos, é uma apaixonada pelo samba. Segundo ela, começou a dançar como porta-bandeira em maio de 2016 no Projeto Minueto do Samba, e recebeu o incentivo da primeira porta-bandeira do Arrastão de Cascadura, Cassiane Figueiredo, e de Viviane Martins.

"Foi um começo difícil, como provar que poderia ser capaz de conquistar boas notas em pouco tempo? Em agosto de 2016, conheci a Selminha Sorrinho, e ela assistiu uma apresentação minha e me convidou para participar do Projeto Sonho do Beija-Flor. Em novembro, conheci o Rogério Júnior  (meu mestre-sala com muita experiência) e assumimos como o primeiro casal da Mocidade Unida da Cidade de Deus. Ensaiamos todos os dias, pois somos praticamente vizinhos e eu nem sabia... e a recompensa do trabalho veio na apuração. Na minha estreia na Passarela da Intendente conquiste três notas 10 e um 9,9. Gostei muito do convite do presidente Fábio Augusto e estou muito feliz. Estou agradecida pela oportunidade e pela confiança. Representar a escola com o enredo do Império da Tijuca é uma honra muito grande", destacou. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário