12 de agosto de 2017

Wendel e Bia se preparam para defender o pavilhão do Galo de Ouro

Nenhum comentário :
Eles não defendem 40 pontos no desfile oficial, mas devem estar sempre prontos para qualquer imprevisto. Por conta disto, a Unidos de Lucas foi buscar uma dupla de respeito para representar o segundo pavilhão da cinquentenária escola da Leopoldina. Defendida pelo casal Wendel e Bia Oliveira, a bandeira de Lucas vai girar forte no desfile da Intendente de Magalhães quando a agremiação, disputando a vaga no Grupo B vai se apresentar na terça-feira de Carnaval.

- Já estamos ensaiando porque queremos impressionar no desfile. Muitas pessoas não entendem a importância do segundo casal, embora a gente não dispute diretamente as notas, temos que estar preparados para tudo e em qualquer ocasião, diz Bia Oliveira que está há 11 anos no carnaval.

A curiosidade é que Bia, embora hoje seja porta-bandeira, não começou sua carreira no segmento. A guardiã do segundo pavilhão do Galo de Ouro, já desfilou em comissão de frente na própria escola em 2007 e se apaixonou pela dança dos casais ao se tornar diretora de Harmonia e ter como função apresentá-los.


- Me inscrevi no projeto Manoel Dionísio em 2015 e, em 2016, me transferi para o Minueto do Samba. Participei do concurso para terceiro casal na Estácio de Sá e já tive experiência na Flor da Mina também. Há dois anos sou porta-bandeira do bloco Cata Latas do bairro do Grajaú, diz a porta-bandeira.

Ensaiando bastante ao lado do parceiro Wendel que é cria da Infantes do Lins e também defende o segundo pavilhão da Herdeiros da Vila, Bia conta que os ensaios já estão acontecendo.
- Temos que fazer a preparação física e a de dança também, até porque temos o objetivo de nos profissionalizar cada vez mais dentro deste segmento.

Paralelo aos compromissos com a Unidos de Lucas, a dupla também está concorrendo à vaga de terceiro casal da Unidos de Padre Miguel, que integra a Série A do Carnaval carioca.

Em 2018, a Unidos de Lucas vai desfilar exaltando o Nordeste com o enredo “ O Galo Arretado Canta o Nordeste, o Xodó do Brasil", assinado por André Cezari e desenvolvido pelo carnavalesco Walter Guilherme.

Nenhum comentário :

Postar um comentário