19 de janeiro de 2018

PROSA DO FOLIA: Liana Ruiz, madrinha de bateria da Leandro de Itaquera

Nenhum comentário :
Batendo um papo hoje com o Folia do Samba, Liana Ruiz, madrinha da bateria Batucada do Leão da Leandro de Itaquera
Foto: Felipe Araujo

Quem é a Liana Ruiz
- A Liana é uma pessoa extremamente sonhadora que vive uma intensa paixão e amor pela dança. Uma pessoa que ama demais a sua família, que adora um desafio e uma boa gargalhada. 

Como começou a sua relação com o carnaval ?
- Minha relação com o carnaval começou sutilmente quando era pequena e via as musas do caldeirão do Huck. Lembro que morava em Indaiatuba na época, e ficava sambando sozinha enquanto assistia o programa. Naquela época deveria ter por volta dos 12/13 anos e nunca comentei com meus pais sobre minha vontade de fazer parte da maior festa popular brasileira. Com 19 anos, fui morar nos Estados Unidos onde me formei em dança, teatro e canto pela Peridance Capezio Center, Nova York. Lá eu tinha que fazer 17 aulas de dança por semana, fora os ensaios. Praticava ballet e danças urbanas todos os dias. Contemporâneo, teatro musical, canto, teatro e jazz eram distribuídos ao longo da semana. Foram anos de treinamento intenso e durante o ano letivo não podia escolher as aulas que queria fazer. As aulas eram definidas pela coordenadora do curso de acordo com a minha especialização e demanda. 
Entretanto, tínhamos 3 meses de férias onde podíamos fazer as aulas que mais desejássemos. Um dia passeando pelo corredor da escola ouvi uma batida de samba e fui atrás procurar da onde estava vindo aquele som. Para minha surpresa, a escola onde estava estudando tinha aulas de samba ministradas pela Danielle Lima. Foi com ela, durante meu período de férias escolares, que meu sonho de se tornar sambista deu seus primeiros passos.  Em 2015, de volta ao Brasil, não hesitei em continuar construindo minha história no samba. Em cada toque da bateria, um novo pulsar para continuar com um sonho. 
 
Por quais escolas você já passou e qual ano foi o mais marcante?
- Eu já passei pela Unidos do Peruche, Tom Maior, Isso Memo e Leandro de Itaquera. Acho que o ano mais marcante foi o carnaval de 2016. Tinha acabado de voltar para o Brasil e me apaixonei perdidamente pelo carnaval. Foi um ano de intensa paixão, emoção e dedicação. Quando quase desisti da dança, o carnaval veio e ascendeu aquela chama da paixão de novo que estava se apagando.
Foto: Alex Sandro Gardel

Como veio o convite para ser Madrinha de bateria da Leandro de Itaquera?
- O convite veio através da minha madrinha do samba Solange Ferreira e do mestre Pelé da Batucada do Leão. 

Como é a sua preparação para o carnaval?
- A minha preparação para carnaval inclui treinos pesados na academia, alimentação saudável, aperfeiçoamento do samba e um pouco de descanso também porque o resto só funciona bem se o corpo esta descansado, né? rs.  

O que você pode adiantar do seu carnaval 2018?
- Que será um carnaval intenso e de muitas surpresas. Nossa escola está trabalhando duro para surpreender e emocionar os amantes do samba. 


Você tem alguma inspiração no samba?
- Nossa, tenho várias! Rs. Mas acho que primeiramente é minha mãezinha. Ela não é do samba mas é o meu maior exemplo de uma mulher que mesmo com todas as dificuldades da vida manteve seu caráter, sua humildade e seu amor genuíno pelo próximo e é com esses valores que quero seguir nessa carreira. Depois dela vem todos os sambistas que tive a honra de conhecer e me inspirar com o amor e dedicação deles pelo samba. Cada integrante das escolas que já passei que não medem esforços para se dedicar aquilo que amam.  Em seguida vem uma lista grande de mulheres que me inspiro e admiro muito: Solange Ferreira, Danielle Lima, Camila Silva, Walkiria Ribeiro, Evelyn Bastos, Roberta Kelly, Valeska Reis, Giseli Alves, Aline Oliveira, Patrícia Cruz.

O que o carnaval mudou em sua vida?
- Muitas coisas! Acho que as mais importantes foram aprender a se reinventar a cada ano e entender que as dificuldades são apenas desafios necessários para a realização de um sonho. 

Deixe seu recado aos internautas do "Folia do Samba" e aos admiradores do seu trabalho.
- Gostaria de agradecer todos aqueles que admiram meu trabalho e que de alguma maneira transformam todo carinho em motivação para me superar a cada ano. Muito obrigada! =)  Agradecer também ao Alex Gardel e a todos do site do Folia do Samba pelo convite =) Adorei falar um pouquinho de mim e do meu trabalho.  Por fim, quero convidar todos os amantes de samba para sentir o coração pulsar no ritmo da Batucada do Leão e fazer aquele Anhembi tremer de tanto emoção. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário