12 de abril de 2018

Luis Carlos Magalhães recebe a Medalha Tiradentes em solenidade histórica na Portelinha

Nenhum comentário :
O presidente da Portela, Luis Carlos Magalhães, recebeu a Medalha Tiradentes, na última segunda-feira (9), em uma cerimônia que lotou a quadra da Portelinha, em Oswaldo Cruz. Diante da presença de baluartes, segmentos, departamentos e torcidas organizadas da Portela, o presidente foi agraciado com a maior honraria concedida pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, por iniciativa do deputado estadual Eliomar Coelho (PSOL).
 
A mesa da solenidade histórica contou com as presenças do presidente de honra da Portela, Monarco; do presidente do Conselho Deliberativo da agremiação, Fábio Pavão; da escritora, pesquisadora e ex-presidente do Museu da Imagem e do Som, Marilia Trindade Barboza; da porta-bandeira da Beija-Flor, Selminha Sorriso; do jornalista e escritor Fábio Fabato; do diretor de Carnaval da Liesa, Elmo José do Santos; e da secretária municipal de Cultura do Rio, Nilcemar Nogueira.

 
Prestigiaram, também, o evento os baluartes portelenses Tia Surica, Vilma Nascimento, Dona Neném (viúva do lendário compositor Manacéa) e Jeronymo; o coreógrafo da comissão de frente da escola, Carlinhos de Jesus, a carnavalesca Rosa Magalhães, o escritor e produtor Haroldo Costa, o empresário Maurício Mattos, o radialista Rubem Confete, o escritor João Baptista Vargens, o Rei Momo Milton Junior e o compositor Marquinhos de Oswaldo Cruz, entre outras personalidades.

 
"Agradeço muito ao deputado Eliomar Coelho pela homenagem. Nunca pensei que seria presidente da Portela, assim como nunca pensei em pensar uma comenda tão importante como a Medalha Tiradentes. A vida realmente nos proporciona muitas surpresas... Esta Medalha vai para todos os segmentos, departamentos, baluartes, componentes e torcedores da Portela. Vai também para minha família e meus amigos, que sempre me apoiaram nos momentos alegres e tristes. Salve a Portela!", comemorou Luis Carlos Magalhães, que teve, ainda, a companhia da mulher, Cinthia Pitz, e do fiho Adriano, além de outros familiares.
 
Abrindo a semana em que a Portela completa 95 anos de fundação, o evento terminou com show do primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira da Portela, Marlon Lamar e Lucinha Nobre, bateria Tabajara do Samba, baianas, passistas, Galeria da Velha Guarda e torcidas organizadas da agremiação.


Crédito das fotos: Leo Cordeiro / Divulgação



Nenhum comentário :

Postar um comentário