PAPO RETO COM TIAGO LINCK - Senhor escutai a nossa voz - FOLIA DO SAMBA

Anuncio No Post

Anuncio Aqui

PAPO RETO COM TIAGO LINCK - Senhor escutai a nossa voz

Compartilhar

ACADÊMICOS DO TUCURUVI 2019
ENREDO:”LIBERDADE: O CANTO RETUMBANTE DE UM POVO HEROICO”
Foto: João Belli

E assim vamos nós desenrolar essa crítica. Liberdade!Clamar a Liberdade de apenas viver  num mundo mais justo e igualitário, livre, sem rótulos que a sociedade imponha.

Desde que o primeiro grito que  foi dado pelos índios que viviam aprisionados pelos seus colonizadores, o Brasil sofreu avanços de uma maneira bruta, porém não foi suficiente para acompanhar a evolução que acontecia.

Desde que o mundo é mundo, o preconceito sempre existiu seja nos índios, nos negros e até mesmo nos homossexuais ou em qualquer classe predominante dessa sociedade ,porém isso não deve servir para julgar o outro pregando um rótulo na testa e taxando seu caráter.

Está longe desse mundo evoluir e tampouco aceitar as mudanças que ele sofreu ao longos dos tempos, porém é necessário olhar para frente para que esse mundo essa mais justo para todos.

O grito que veio das senzalas, lá ouvia-se a dor, a pele marcada pelas torturas  dos senhores que escravizavam os negros.Que dor maior que a da escravidão pode ter se ainda o negro não convive de forma igualitária nesse mundo? Suportar com a sua fé nas senzalas, manteve de perto o desejo de se ver livre, sonhar com a liberdade que “veio” porém fica aprisionada num mundo que ainda discrimina.

O grito que sai da boca dos homossexuais clamando pela liberdade dos direitos iguais, que não tem. Avanços que caminham nos passos de tartaruga, com todo respeito ao animal, cito aqui como emblema, para retratar tamanha morosidade na política de se avançar nas questões.

O grito pela liberdade sai na boca de toda população, todos clamam por um mundo justo, poucos saem em desesa pelos outros, apenas quando seu umbigo será beneficiado, estou errado. Nesse país de hipócritas onde as pessoas só julgam, e mais julgam, a união pela liberdade de todos deveria prevalecer pelo senso comum, mas não é assim que a roda gira não meus amigos.

Gritar por todos,  não gritar apenas para se satisfazer.Quando é que você vai se acordar e gritar pela liberdade do seu semelhante sem querer nada em troca. Estamos vivendo num mundo cada dia que passa mais intolerante, pateticamente falando, ainda há intolerantes que não aceita a sua crença, a minha crença e faz disso ataques, ataques que são considerados agressivos, paga com sua fé para atingir a sua própria fé. Não dá pra aceitar algo desse porte e ficar calados. É preciso gritar, é preciso ecoar pelas ruas, em massa, a liberdade.

A política não fica de fora disso não, tão suja, batendo na nossa cara e a gente acha graça. Não falta pouco pra por uma lona nesse Brasil e transformar num circo, e  cercar para transformar num hospício.

Avante,é pra frente que se anda e se evolui. É pensamento lá na frente que essas críticas merecem destaques, essa reflexão precisa fazer estardalhaço na população, porque passou da hora de cada um deixar de lutar por si e passar a lutar por todos.

Um enredo desses merecem chacoalhar o pensamento que ainda está retrógrado na cabeça de algumas pessoas e fazer movimentar aos cantos, os gritos de liberdade que ainda estão presos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anuncio No Post