PAPO RETO COM TIAGO LINCK - Sou Brasileiro, vou defender minha nação - FOLIA DO SAMBA

Anuncio No Post

Anuncio Aqui

PAPO RETO COM TIAGO LINCK - Sou Brasileiro, vou defender minha nação

Compartilhar

ACADÊMICOS DO TATUAPÉ 2019
ENREDO:” BRAVOS GUERREIROS: POR DEUS, PELA HONRA, PELA JUSTIÇA E PELOS QUE PRECISAM DE NÓS”

2019, ano regido por Marte, Deus Guerreiro. Regente está São Jorge, no sincretismo ligado a Ogum, orixá guerreiro, o santo aclamado  por milhares de fiéis pelo mundo.

O que seria o guerreiro? Aquele que compreende que lutar sempre é o melhor caminho do que desistir, é aquele que consegue buscar a solução no desespero. Aquele que não se acovarda, se reinventa, faz mesmo em meio as intempéries o seu caminhar, como um soldado que é.

Traçar ao longo do tempo, guerreiros que fizeram histórias pelos seus atos é o que a Tatuapé quer mostrar nessa linha do tempo. Imortais que tiveram a importância no seu tempo, mas que ao longo do mundo, seus desbravamentos ainda ajudam para servir de lição aos novos guerreiros.

Os guerreiros lendários se destacaram na idade média pelos seus atos praticados, guerreiros que lutaram bravamente pelos seus princípios, defender suas honras, buscando as glórias e os feitos por alcançar.

Voltar ao tempo de escravidão e lá já se tinha os guerreiros que mesmo nas dores das senzalas, tiveram capacidade de saber suportar a chibata e clamar pela liberdade. Não se acovardaram diante do opressor. Mantiveram mesmo que sofrida, a força necessária de resistir e seguir lutando pelos seus ideias. Mas só foi possível, esses homens e mulheres negras lutaram porque toda sua força estava centrada na fé ao orixás, ao qual clamavam pedindo proteção e o caminho a seguir nessa luta incessante.

Vale ainda ressaltar guerreiros que lutam pela preservação do planeta, os chamados, guerreiros arco-iris, mas também, os guerreiros nesse contexto que clamavam a paz mundial, lutavam sem armas, apenas usando do diálogo que pautava num mundo mais justo para todos, onde a justiça se prevalecesse, a miséria fosse extinguida, homens e mulheres que merecem ser congratulados por manter seus pensamentos nessa missões.

É preciso sobretudo, reverenciar o povo brasileiro, os verdadeiros guerreiros também, que lutam em meio a tantas calamidades, tantos sofrimentos, que sobrevive a uma política corrupta e de poder, onde recebe migalhas em troca de serviços essenciais para sua sobrevivência. Luta esse povo para apenas ter dignidade e o respeito que precisa ser dado.

Os guerreiros ainda não param, exaltar que não deixa o samba morrer, resgatar os guerreiros do samba que dignificam a história do Carnaval Paulistano, que ainda mantem de pé as tradições passadas ao longo dos tempo, que mantem com muita bravura a alma sambista viva.

Encerrar trazendo gente que sai das suas casas, dos seus lares, que viram noites debaixo de um viaduto para por um espetáculo na avenida. Os guerreiros da Tatuapé, gente que dá o suor, que enfrenta a chuva, que enfrenta qualquer problema pelos simples prazer de ver sua escola na avenida. Merecem ser exaltados por deixar suas marcas trabalhadas ali.

É por Deus, é pela honra e por todos aqueles que aclamam a justiça que a Tatuapé resgata esses guerreiros como forma de exalta-lós sobre a proteção de São Jorge, o cavalheiro guerreiro que enfrentou as batalhas com audácia, bravura,deixando a sua honra estampada na memória de cada fiel que o reverencia. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anuncio No Post