PROSA DO FOLIA: Igor Sena, 1º Mestre-sala do Barroca Zona Sul

 Hoje é dia de papo, dia de "Prosa do Folia". Vamos conhecer um pouco mais da trajetória, inspirações e como o carnaval entrou na vida do Igor Sena, 1º Mestre-sala do Barroca Zona Sul.

FOTO: FELIPE ARAUJO

Quem é o Igor Sena ? 

- O Igor Sena é uma pessoa que corre atrás dos seus sonhos que não mede esforços para conquistar seus objetivos. Uma pessoa bem família, parceiro, e muito amigo. Uma pessoa de bem com a vida.


Como começou o envolvimento com o carnaval?

-Desde criança amava assistir os desfiles pela TV, e tinha esse sonho em participar um dia. Em 2010 comecei a frequentar os Gaviões da Fiel, porém nunca desfilei, foi aí que tudo começou.


Por quais agremiações você já desfilou?

-Em 2014 foi a minha estréia como mestre sala. Neste ano desfilei pela X9 Paulistana e pela Cabeções de Vila Prudente. Logo depois passei pelo Águia de Ouro, Dragões da Real e atualmente na Barroca. 

FOTO: BRUNO GIANELLI 

Como começou sua relação e o convite para Barroca?

-Quando anunciei meu desligamento da Dragões, a Rozely coordenadora do quadro de casais do Barroca entrou em contato comigo falando que estava precisando de um primeiro mestre sala pra dançar com a Lenita. Marcamos uma reunião com o presidente e foi ai que tudo começou. 


Como é a relação com sua porta-bandeira?

-Nossa relação é muito tranquila. Fomos construindo aos poucos uma amizade e uma parceria de muito respeito e empatia a gente se fala muito, um pede a opinião do outro pra coreografia, roupa, como se portar. Nossa relação é bem saudável, quando algo não agrada um ou outro a gente já senta conversa e resolve.


Como é ter a responsabilidade de defender um quesito composto apenas de duas pessoas?

-A responsabilidade é ENORME, são 40 pontos em cima de duas pessoas. Acredito muito que o psicológico é um fator primordial, pois é ele que pode te sabotar ou te ajudar. Mais é uma sensação boa, ter toda uma nação, comunidade ali contando com você, emanando aquela energia pra que tudo dê certo, é uma sensação única. 


Você tem alguma inspiração no samba?

-Tenho muitas, porém a minha maior inspiração é a Ana Reis. "Mais como assim uma porta bandeira ser inspiração pra um mestre sala". A Ana entrou na minha vida em 2014 e até hoje tenho ela como uma mãe do samba, se grande parte do que sou hoje devo muito a ela.


Como funciona a sua preparação para a folia?

-Começamos a nossa preparação para o Carnaval em julho geralmente. Passamos por um processo de ter ensaios só nós dois, depois tem uma preparadora junto com a gente que vem alinhando e ajudando em o que fazer, temos o acompanhamento da nossa coordenadora e apresentadora Rozely, onde ela pontua o que temos que melhorar. Fora a nossa rotina básica de cuidados com o corpo e a mente, e por sermos bailarinos estamos sempre nos reciclando. 


Qual a mudança que o carnaval fez na sua vida?

-O Carnaval tem um significado enorme em minha vida, me ajudou muito na questão pessoal de me auto conhecer, me ajudou na questão profissional de conquistar coisas na qual nunca havia conquistado, e sem contar na realização pessoal. 


O que o carnaval significa para você em apenas uma palavra?

-Realização


Aquele recado especial do Igor para os internautas do Folia do Samba e amantes do seu trabalho

-Primeiramente quero agradecer a vocês pela oportunidade de mostrar um pouco da minha trajetória. E o recado que quero deixar para TODOS é que nunca desistem de seus sonhos, o caminho é longo e árduo mais lá na frente vai valer muito a pena. Agradeço o carinho.



Nenhum comentário

RESPONSIVE ADS HERE
Tecnologia do Blogger.