PROSA DO FOLIA: Guto, intérprete do Acadêmicos do Sossego - FOLIA DO SAMBA

Anuncio No Post

PROSA DO FOLIA: Guto, intérprete do Acadêmicos do Sossego

Compartilhar

Seu primeiro desfile cantando foi com apenas 9 anos, natural de Nova Friburgo e com passagens no carro de som de algumas escolas, em 2019 fará sua estreia como cantor oficial na Sapucaí. Hoje na Prosa do Folia é dia de Guto, intérprete do Acadêmicos do Sossego.

Quem é o Guto?
- Sou um botafoguense, natural e morador de Nova Friburgo, mais precisamente do bairro de Duas Pedras. Formado em Design pela ESDI-UERJ, graduando em Licenciatura em Música, amante do Carnaval e do basquetebol. Um cara calmo, cheio de manias, mas com um coração bom.

Como começou o envolvimento com o carnaval?
- Começou desde sempre! Minha família é fundadora de uma agremiação na cidade, o Bloco Carnavalesco Raio de Luar. Foi lá que despertou o amor pelo Carnaval na minha infância e pude aprender de tudo um pouco sobre o funcionamento de uma agremiação. Aos 5 anos foi meu primeiro desfile, na ala das crianças e 9 anos desfilei pela primeira vez cantando.

Por quais agremiações você já participou?
- No Carnaval friburguense participei como cantor no Raio de Luar, em 2004 comecei a cantar no G.R. Vilage no Samba, onde permaneci até 2012, sendo o intérprete oficial desse ano. Em 2013 me transferi para a GRES Unidos da Saudade, onde sou o intérprete oficial desde então. No Carnaval carioca fui intérprete de apoio do Império da Tijuca de 2010 a 2018, com um hiato em 2016, quando fui intérprete de apoio no Império Serrano.


Como veio o convite para ser intérprete da Sossego?
- O convite veio do presidente Wallace Palhares, que estava buscando uma aposta, nesse processo de renovação da escola para 2019. Após ver vídeos de desfiles meus aqui em Friburgo, uma pesquisa com outros cantores que já me conheciam, dentre eles meu padrinho Pixulé e meu conterrâneo Evandro Malandro, as conversas se iniciaram e graças a Deus tiveram um final feliz.

Qual a expectativa de estreia como oficial no carnaval do Rio?
- A melhor possível. É a realização de um sonho de criança, principalmente para quem vem de outra cidade e passa por tantas dificuldades para se manter nessa caminhada. Temos um excelente samba, a preparação tem sido intensa e temos um carro de som muito forte, além da presença da Juliana Pagung, que é uma cantora fora de série.
Juliana Pagung, presidente Wallace Palhares e Guto

Como funciona a sua preparação para a folia?
- Faço acompanhamento, aulas de técnica vocal e canto desde 2005. Procuro ser o mais regrado possível nos cuidados com a voz, não bebo e não fumo, meu problema é a insônia. Mesmo com o cansaço dessa maratona de disputas de samba, gravações e viagens, o sono não vem cedo.

Qual a mudança que o carnaval fez na sua vida?
- A principal mudança que o Carnaval fez na minha vida foi poder ter contato com Cultura, conhecer artistas incríveis e principalmente poder viver emoções que só o Carnaval é capaz de proporcionar. Aprender a tratar todos como iguais, pois no samba ninguém é mais que ninguém, aprender a respeitar as diferenças e entender que há algo que nos une e supera quaisquer rivalidades: o amor pelo samba.
 
O que o carnaval significa para você em apenas uma palavra?
- Trabalho!

Aquele recado especial do Guto para os internautas do Folia do Samba e amantes do seu trabalho
- Galera do Folia do Samba e povo amante do Carnaval! Gostaria de agradecer a cada um pelas mensagens de apoio e principalmente pela torcida para que dê tudo certo nessa caminhada. Tenham a certeza de que faremos um desfile emocionante! Vamos juntos meu povo! Muito obrigado pelo carinho!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anuncio No Post