Turista Alemão divulga as escolas de samba através da revista 'Roteiro dos Desfiles' - FOLIA DO SAMBA

Anuncio No Post

Turista Alemão divulga as escolas de samba através da revista 'Roteiro dos Desfiles'

Compartilhar
Os desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro arrebatam corações. Todos nós sabemos disto. Há histórias lindas para contar e passar à frente, para que todos saibam que o Carnaval do Rio é, sim, o maior espetáculo ao ar livre do mundo: que diga o maravilhoso desfile da Estação Primeira de Mangueira e as repercussões positivas em toda a sociedade, tais quais as lições de história que tivemos na Marquês de Sapucaí.

Enquanto uma minoria não entende a emoção da folia e difunde e compartilha dados negativos e depreciativos da festa de Momo, nós compartilhamos mais uma singela e bonita história de amor: trata-se de Stefan Krause, turista alemão apaixonado pela Cidade Maravilhosa e pelo samba. Após a maratona de quatro dias de desfiles na Avenida (Série A e Grupo Especial), o rapaz buscou na internet os contatos dos responsáveis pela 10 ª edição da revista "Roteiro dos Desfiles" para, simplesmente, agradecer e tecer vários elogios. O motivo? Entenda abaixo.


Stefan fala português e sentiu a necessidade de acompanhar todos os detalhes dos desfiles através da revista: "Eu tinha grande interesse em entender o espetáculo com toda a sua riqueza de detalhes, o que representa o carro alegórico dentro do enredo, alas, fantasias. Foi quando descobri a versão on line do guia; uma amiga me indicou. Acessei e fiquei apaixonado", explicou.

A Verde e Rosa do Morro da Mangueira sempre causa boa impressão para o público. Olhe só o que ela fez na cabeça do turista alemão: "Por causa do 'Roteiro dos Desfiles', ainda tenho a melodia da Mangueira na minha cabeça e isso é fantástico! Eu vou, seguramente, dar  como dica para os amigos que estejam interessados em viajar para o Carnaval do Rio onde pegar a revista, onde fazer contato caso precisem, e tudo mais", comemorou.

Stefan aproveitou o fim do Carnaval para fazer um passeio por toda a América Latina. Disse que passará por lugares importantes como Salar de Uyuni (Bolívia) e Machu Picchu (Perú), por exemplo. "Por onde eu passar, tirarei fotos junto com o 'Roteiro' e , além disso, contarei tudo que vivi na Marquês de Sapucaí e no Rio de Janeiro. Vou fazer com que todos tenham vontade de ir ao Rio", prometeu o rapaz, que tem 38 anos, trabalha no setor de seguros e mora em Hannover, na Alemanha.

Vale ressaltar que todas as edições da revista, têm, além da versão impressa, a virtual, que pode ser acessada de qualquer computador ou dispositivo móvel em "flip" - formato de livro paginado, ou em pdf - que é a mais usada. Ambas em português e inglês. Basta entrar no site www.roteirodosdesfiles.com.br e prestigiar gratuitamente. Quem for aos desfiles das Campeãs neste sábado (9) poderá contar com as duas edições - impressa ou virtual, à escolha de cada um.

Nesses 10 anos, o "Roteiro dos Desfiles" fez uma legião de fãs e tem se tornado cada vez mais necessário tanto entre o público quanto entre os profissionais de imprensa. "Consolidou-se como um meio de pesquisa e informações úteis sobre todos os pontos dos desfiles de uma escola de samba. Todos que o têm à mão entendem desde o que é a comissão de frente até o último carro alegórico", destacou Marcos Roza, historiador e idealizador do guia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anuncio No Post