Portela terá bailarino e coreógrafo consagrado no comando da comissão de frente em 2021


O consagrado bailarino, coreógrafo e ator Manoel Francisco vai comandar a comissão de frente da Portela no Carnaval 2021. Com quase 40 anos de carreira em palcos do Brasil e do mundo, o artista, que é chefe da divisão de dança do Teatro Municipal do Rio, um dos mais importantes cargos de direção na casa de espetáculos, recebeu o convite do presidente Luis Carlos Magalhães nesta quinta-feira (12), no barracão da agremiação, na Cidade do Samba.
 
"Estou vivendo um momento mágico. Nunca poderia imaginar que perto de completar 40 anos de trajetória artística, meu caminho fosse cruzar com o caminho da Portela, que é o ninho do samba e uma das minhas paixões. Sempre gostei de carnaval e de ver os desfiles, desde jovem, assim como sempre fui apaixonado pela música brasileira. Fazer carnaval era um sonho antigo, mas nunca houve a oportunidade, apesar de sempre acreditar que um dia ela viria. Agora, me sinto muito estimulado e feliz para encarar esse desafio. Vontade e dedicação não faltarão", revelou Manoel, que já foi jurado do quesito mestre-sala e porta-bandeira na Sapucaí.
 
O presidente Luis Carlos Magalhães comemorou a contratação do artista. "Estamos muito felizes com a chegada do nosso novo coreógrafo. É um profissional com muita experiência na dança clássica e em musicais, além de ser cria do Teatro Municipal, instituição que sempre emprestou talentos para o carnaval. A Portela dará todo o suporte necessário para que ele possa fazer um grande trabalho na Avenida."


 
O carnavalesco Renato Lage também deu as boas-vindas a Manoel, que fará sua estreia como coreógrafo na Sapucaí. "Gostei muito das minhas primeiras conversas com o Manoel e já pude conhecer um pouco da sua filosofia de trabalho. O currículo dele na dança é invejável, por isso tem tudo para fazer bonito no carnaval. Tenho certeza que eu e Márcia (Lage) faremos uma bela parceria com ele em prol da Portela".
 
Formado pelo curso de danças clássicas da Fundação Teatro Guaíra, em Curitiba (PR), Manoel Francisco entrou para o balé do Teatro Municipal do Rio em 1985, aos 17 anos. Aos 18, foi promovido a primeiro solista, sob a direção de Dalal Achcar e Fernando Bujones. Sua carreira internacional teve início aos 20 anos, quando foi contratado pelo Basel Ballet, dirigido por Heinz Spoerli, na Suíça, onde também atuou no Zurich Ballet. Fora do Brasil, participou como bailarino, ator e cantor de dois dos maiores musicais de todos os tempos, "Cats" e "O Fantasma da Ópera", em turnês pela França, Suíça, Itália, Holanda e Áustria.
 
Após 13 anos vivendo na Europa entre companhias de dança e de musicais, voltou ao Brasil e ao Teatro Municipal, onde dançou ao lado de nomes como Ana Botafogo, Nora Esteves, Cecília Kerche, Bettina Dalcanale, Peter Schaufuss, Márcia Haydée, Thiago Soares, Claudia Mota e Roberta Marquez, entre outros. Seu currículo inclui, ainda, papéis de protagonista em balés como "Giselle", "Dom Quixote", "Coppélia", "O Quebra-Nozes", "A Bela Adormecida" e "O Lago dos Cisnes".
 
Manoel Francisco, que assume o lugar que foi de Carlinhos de Jesus nos últimos dois desfiles, também acumula diversos trabalhos como professor convidado em escolas e companhias, como Grupo Corpo, Companhia de Dança Deborah Colker, Ballet Jovem do Rio de Janeiro, Ballet de Niterói, Ballet Teatro Guaíra e Escola do Ballet Bolshoi Brasil.
 
Fora dos palcos mais tradicionais, coreografou e atuou no filme "A Dona da História", a convite do diretor Daniel Filho. Outros trabalhos de destaque foram ao lado de Marília Pêra nas peças "Doce Deleite" (Teatro dos Quatro) e "A Garota do Biquíni Vermelho" (Sesc Ginástico), em que integrou o elenco, fez assistência de direção, coreografia e preparação de corpo dos atores.

 

Nenhum comentário

RESPONSIVE ADS HERE
Tecnologia do Blogger.