ENREDOS 2020 - FOLIA DO SAMBA

Anuncio No Post

ENREDOS 2020

ESPECIAL RJ

Mangueira - A verdade vos fará livre
Viradouro - Viradouro de alma lavada
Vila Isabel - “Gigante pela própria natureza: Jaçanã e um índio chamado Brasil” 
Portela - Guajupiá, Terra sem Males
Salgueiro - O Rei Negro do Picadeiro
Mocidade - Elza Deusa Soares
Unidos da Tijuca  Onde moram os sonhos
Paraíso do Tuiuti - O Santo e o Rei: Encantarias de Sebastião
Grande Rio - Tata Londirá: o Canto do Caboclo no Quilombo de Caxias
União da Ilha - Nas encruzilhadas da vida, entre becos, ruas e vielas, a sorte está lançada:
Salve-se quem puder!
Beija-Flor - "Se essa rua fosse minha..." 
São Clemente - O conto do vigário
Estácio de Sá - Pedra

ESPECIAL SP 

Mancha Verde - Pai! Perdoai, eles não sabem o que fazem
Dragões da Real - A revolução do Riso. A arte de subverter o mundo pelo divino poder da alegria
Rosas de Ouro - Tempos Modernos
Unidos de Vila Maria - China: O Sonho de um Povo Embala o Samba e Faz a Vila Sonhar
Império de Casa Verde - Marhaba Lubnan
Águia de Ouro - O Poder do Saber - Se Saber é Poder… Quem Sabe Faz a Hora, Não Espera Acontecer
Acadêmicos do Tatuapé  - O Ponteio da viola encanta... Sou fruto da terra, raiz desse chão... Canto Atibaia do meu Coração!
Mocidade Alegre - Do canto das Yabás renasce uma nova Morada
Gaviões da Fiel - “Um não sei quê, que nasce não sei onde, vem não sei como e explode não sei porquê…” 
X-9 Paulistana - Batuques para um rei coroado
Colorado do Brás - Que Rei Sou Eu?
Tom Maior - É coisa de preto
Pérola Negra - Bartali Tcherain – A estrela cigana, brilha na Pérola Negra!
Barroca Zona Sul - Benguela...A Barroca clama a ti, Tereza!

SÉRIE A - RJ


Cubango - A voz da liberdade
Porto da Pedra - O que é que a Baiana tem? Do Bonfim à Sapucaí
Império da Tijuca - Quimeras de um eterno aprendiz
Santa Cruz - Santa Cruz de Barbalha: Um conto popular no Cariri Cearense
Unidos de Padre Miguel - GINGA
Renascer de Jacarepaguá - Eu que te benzo, Deus que te cura
Unidos de Bangu -  Memórias de um Griô: a diáspora africana numa idade nada moderna e muito menos contemporânea
Inocentes de Belford Roxo - Marta do Brasil – Chorar no Começo Para Sorrir no Fim.
Unidos da Ponte - Elos da Eternidade
Rocinha - A Guerreira Negra que Dominou os Dois Mundos
Sossego - Os Tambores de Olokun
Imperatriz Leopoldinense - O Teu Cabelo Não Nega (Só Dá Lalá)
Império Serrano - Lugar de Mulher é onde ela quiser!
Acadêmicos de Vigário Geral - O Conto do Vigário

ACESSO 1 - SP

Nenê de Vila Matilde - O presente da Deusa e o brinde da Águia
Independente Tricolor - UTOPIA - É preciso acreditar
Mocidade Unida da Mooca - A Ópera Negra de Abdias Nascimento
Camisa Verde e Branco - "Ajayo! Carlinhos Brown - Candomblés, tambores e batuques ancestrais"
Leandro de Itaquera -  Das savanas africanas às savanas de Itaquera… Sou África! Berço do mundo, leões de uma forma abençoada
Acadêmicos do Tucuruvi - Faces de Chico, o eterno Chico. Sorrir é... e sempre será o melhor remédio
Vai-Vai - 
Estrela do Terceiro Milênio - No coração da floresta nascem estrelas que brilham no meu carnaval

8 comentários:

  1. pode duas escolas ter o mesmo enredo? Roque a São Clemente tem o mesmo enredo do que a "acadêmicos de vigário geral"?

    ResponderExcluir
  2. Ate aqui enredos ate então sem aquela originalidade esperada! Vamos ver

    ResponderExcluir
  3. E a Vai Vai rebaixada infelizmente

    ResponderExcluir
  4. Beijar Flor sempre e a última a decidir enredo

    ResponderExcluir
  5. Já decidiu! Dessa vez ela não foi a última o título será:
    "Se essa rua fosse minha..."

    ResponderExcluir
  6. O Da Tijuca é "Onde moram os sonhos".. arquitetura e urbanismo é o tema central

    ResponderExcluir

Anuncio No Post